04/10/2014 22h05 (editada em 04/10/2014 22h49)
QUEM É O CULPADO?

Ciro volta a agredir Camilo, descontrolado com resultado do Ibope

Candidato do PT pensou de novo em renunciar, mas desistiu em respeito a Dilma e Cid.
Redação
jornalismo@cearanews7.com.br
Compartilhar no Facebook  Compartilhar isto em Twitter Enviar por e-mail

O secretário da Saúde do Estado do Ceará, Ciro Gomes, voltou a atacar neste sábado (4) o candidato do PT ao Governo do Estado, Camilo Santana. Segundo Ciro, a culpa de perder a eleição é única e exclusivamente do petista.

Os ânimos se acirraram depois que a ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT) e seus aliados, ocuparam as ruas da capital com bandeiras do candidato do PMDB, Eunício Oliveira. Outro fator que motivou tamanha revolta de Ciro foi ver a mais recente pesquisa mostrando uma larga vantagem para Eunício, situação que pode fazer o senador vencer logo no primeiro turno.

Como a conversa vazou?

Camilo Santana, revoltado com a postura de Ciro, reuniu algumas lideranças e desabafou, dizendo que não renunciava em respeito a Cid Gomes e a presidenta Dilma Roussef, pois temia prejudicar a eleição presidencial.

Evento cancelado
A carreata de Camilo Santana em Fortaleza, que deveria terminar na Praia do Futuro no final da tarde de hoje, foi encerrada na Praia de Iracema por determinação do próprio Ciro Gomes, que disse não haver mais ambiente para prosseguir, depois do anúncio da derrota.