Oposição diz que delação de empreiteiro é motivo para pedido de impeachment de Dilma

Segundo parlamentares, declarações de Ricardo Pessoa pode constranger Brasil em encontro de Dilma com Obama

por Maria Lima


BRASÍLIA – Líderes da Oposição disseram nesta sexta-feira que as revelações do empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC, que em sua delação premiada afirmou ter repassado R$ 7,5 milhões de dinheiro ilegal desviados da Petrobras para a campanha da presidente Dilma Rousseff, em 2014, é motivo para seu afastamento do cargo, com um processo de impeachment. Segundo os parlamentares, as declarações de Pessoa pode provocar constrangimentos ao Brasil no momento em que Dilma se encontrará no fim de semana com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

O PSDB, por exemplo, avalia a convocação dos ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Edinho Silva (Secom), também citados na lista dos beneficiários.

ADVERTISEMENT

– Muito grave. A cada dia a presidente Dilma perde as condições mínimas de conduzir o país. O Brasil é maior do que tudo isso e a nação não pode conviver com esse grau de deterioração da ética e da lisura, essenciais ao exercício do cargo – disse o líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB).O líder do DEM, senador Ronaldo Caiado (GO), disse que as denúncias de Ricardo Pessoa são a prova de que a campanha da presidente Dilma foi irrigada com dinheiro desviado da Petrobras.

– Isso é motivo mais que suficiente para Dilma perder o mandato e serem convocadas novas eleições. Que a Câmara abra o processo de impeachment para investigarmos tudo isso a fundo. Um crime eleitoral desse porte tem que ter como resposta o imediato afastamento da função – disse Caiado.

O presidente do PPS, deputado Roberto Freire (SP), disse que é de suma gravidade o teor da delação do dono da UTC. Ele disse que a presidente Dilma deve ser investigada , o que pode derivar o pedido de impeachment.

– Temos uma presidente da República completamente ilegítima. Junta a denúncia com a ingovernabilidade do País e temos um quadro desastroso. Talvez o melhor caminho seja mesmo discutir o impeachment. Quem vai ficar incomodado é Obama, de receber uma presidente alvo de uma denúncia muito grave. A notícia não podia ser pior na véspera dessa viagem aos Estados Unidos. Um desastre! – disse Roberto Freire.

O líder em exercício do PSDB na Câmara, deputado Nilson Leitão (MS) disse que a cada delação, mais nomes do governo e do entorno da presidente Dilma vão sendo envolvidos no esquema de corrupção da Petrobras.

– Hoje, mais dois ministros foram citados na delação do empresário da UTC: Mercadante e Edinho Silva, além de dois tesoureiros petistas. E à medida que as investigações avançam, tomam corpo as suspeitas de que as campanhas que elegeram e reelegeram a presidente Dilma foram irrigadas com recursos ilícitos – disse Leitão, acrescentando que “o Petrolão é uma continuidade do Mensalão”

De acordo com o líder do PSDB, em relação à doação de Pessoa ao senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), a nota divulgada pelo senador tucano é, por si só, esclarecedora.

– Trata-se de um parlamentar oposicionista e, dessa forma, sem poder de influência na Petrobras. E, além disso, pela sua história e trajetória, obviamente o senador não tem ligação com a organização criminosa que se instalou na Petrobras nos governos do PT, de Lula e Dilma – afirmou Leitão.



Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Comentar

17 comentários

  • Le Quadros • há 2 horas

    Só num país atrasado como o Brasil Dilma e Lula, dois desnutridos intelectuais sem nenhuma credencial academica, sem nenhuma experiencia administrativa, conseguem ser eleitos pra governar o uma das 10 maiores potencias econômicas do planeta. Lula e Dilma jamais seriam gerentes de uma empresa séria que precisa de resultados. Porém, esses dois ridiculos, conseguiram eleregerem-se e reelegerem-se. São os Tiriricas dos cargos majoritários, acabou dando no que deu… quebraram o país. Apenas isso.

  • Neto Nemer • há 3 horas

    Vergonha sim, e também impressiona um sujeito como este se valer de uma cara de pau colossal como se fosse a personificação da moral e da legalidade, se esta é uma investigação séria, breve estará chegando até MG, só que diligência deverá ser executada no Leblon,,,essa pose de o dono da moral esta com os dias contados, isso obviamente se for séria.

    • Marcelo Francisco Andrade Sampaio • há 1 hora

      No Leblon, não! Em Guarujá!

  • Edson Ferreira Suisso • há 3 horas

    politica.estadao.com.br/noticias/geral,alvos-da-lava-jato-doaram-r-109-milhoes-a-dilma-e-aecio,1598390

  • Edson Ferreira Suisso • há 3 horas

    ” … O tucano (Aecio Never – PSDB/Terra do Nunca) recebeu R$ 12 milhões da Andrade Gutierrez e R$ 3 milhões da OAS. Outras quatro empresas – UTC, MRV, CR Almeida S.A. Engenharia de Obras e Norberto Odebrecht – doaram R$ 1 milhão cada.” epocanegocios.globo.com/Informacao/Resultados/noticia/2014/09/campanha-de-dilma-fica-com-68-dos-maiores-doadores.html

    • Marcelo Francisco Andrade Sampaio • há 1 hora

      R$ 6.000.000.000,00. Só na Pertrobras!  Fora o resto! Fora bandidos!

  • Jose Sandoval • há 3 horas

    COMENTARIOS FEITOS POR CASSIO CUNHA LIMA , CAIADO AÉCIO, AGRIPINO ALOISYO NUNES E NILSON PORCÃO  CHEIOS DE VENENO E COM GOSTO DE VINGANÇA; UM JORNAL QUE SE PREZE, DEVERIA EVITÁ-LOS E SIM DEVERIA PROCURAR OS CITADOS E PUBLICAR SUAS OPINIÕES A RESPEITO. A REPOTAGEM TERIA MAIS ISENÇÃO NÃO ACHA?

    • Marcelo Francisco Andrade Sampaio • há 1 hora

      PETISTA, QUANTO ESTÃO LHE PAGANDO?

Carregar mais comentários

Você pode estar interessado em…

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/brasil/oposicao-diz-que-delacao-de-empreiteiro-motivo-para-pedido-de-impeachment-de-dilma-16573701#ixzz3eFQF0Yu3
© 1996 – 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.