Patricia Achcar
Publicado: 8 março 2016
PATRICIA ACHCAR Seguir Avalie o Artigo 1 votoPERIGO: DELAÇÃO DE MARCELO ODEBRECHT PODE COMPROMETER DEFINITIVAMENTE LULA E DILMA Delação incendiária de Marcelo Odebrecht pode ser aceita ou não pela Lava Jato.PUBLICIDADEMarcelo Odebrecht em depoimento Marcelo Odebrecht em depoimento
A delação premiada de Marcelo Odebrecht neste momento pode ser considerada, pela operação Lava Jato, mais cara que a de outros condenados. O motivo seria de que Marcelo Odebrecht vive o chamado ” dilema do prisioneiro”, pois o mesmo está entre “a cruz e a espada “. Marcelo já é condenado pelo juiz federal Sérgio Moro por 19 anos e 4 meses, portanto, neste momento, estuda a possibilidade de fazer delação para sair da prisão. Porém, em contrapartida, sua situação é muito mais complicada porque, na verdade, a decisão não teria de partir só de Marcelo mas também dos investidores da Odebrecht . O fato é que Marcelo Odebrecht demorou demais e resistiu muito à delação porque acreditava que seus advogados iriam reverter o quadro da prisão nos tribunais superiores, mas o pior aconteceu e ele continuou preso por mais de 10 meses e, posteriormente, foi condenado.

Avanços da investigação
Enquanto isso a operação Lava Jato avançou em suas investigações e acumulou provas sobre a sistemática atuação da Odebrecht em vários esquemas criminosos da Petrobrás. Executivos de sua empresa foram presos e, até mesmo Marcelo Migliaccio, foi pego na Suíça enquanto tentava ocultar provas. A operação Lava Jato também acumulou provas do estreito relacionamento entre a empresa e o ex-presidente Lula e, a partir daí, focaram suas investigações no possível tráfico de influência feito pelo ex-presidente Lula no Brasil e exterior. As provas de que Marcelo Odebrecht deu ordens diretas para pagar por fora João Santana, conselheiro e marqueteiro de Dilma e Lula, já estão confirmadas. Além dessas, há também provas do esquema criminoso de propina por contratos da Petrobras.
Reviravoltas
E agora o feitiço virou contra o feiticeiro, como no dito popular, e Marcelo Odebrecht precisa convencer os procuradores a aceitarem sua delação, mas a mesma, por sua vez, se torna muito mais cara. Os possíveis motivos seriam o fato de que Marcelo Odebrecht teria de contar muito mais, ou seja, delatar todo o esquema feito com o ex-presidente Lula, diferentemente de outros delatores, que contaram apenas parte dos atos que participaram. Cogita-se que sua delação seria considerada a mãe de todas as outras e, ao mesmo tempo, ela é inédita e incendiária porque comprometem definitivamente os dois governos de Lula e a campanha de Dilma Rousseff. Além disso, Marcelo Odebrecht não pode se demorar muito porque corre o risco de sua delação se tornar ainda mais cara, pois Bumlai poderá fechar a sua delação antes e, então, tudo estará perdido.

PUBLICIDADE